Skip to content

Cansei! Cadê o meu Rolex?

12 de outubro de 2007

— atualizo em 8/1/08: leio o texto do seguinte link:

Luciano Huck e a tropa “das elites” http://www.interney.net/blogs/rolleiflex/2007/10/10/luciano_huck_e_a_tropa_das_elites/

que resume bem toda a discussão sobre este fato>

Recebi esta mensagem por e-mail, reblogo aqui por ser muito importante:

Data: Thu, 11 Oct 2007 21:31:21 -0300




Corregedoria investiga policial que diz saber de Rolex de Luciano
Huck

KLEBER TOMAZ
da Folha de S.Paulo

A Corregedoria da Polícia Civil de São Paulo
investiga um policial
que teve sua carta publicada
no Painel do Leitor da Folha de S.Paulo,
no dia 2, dizendo saber onde está o relógio
Rolex roubado do apresentador
Luciano Huck e que não o recuperaria
pois ganha pouco para trocar tiros com
criminosos.

Em sua carta, o investigador Roger Franchini,
do 36º DP, no Paraíso
(zona sul), diz que os policiais que combatem
o crime "sabemos onde
está o Rolex roubado do Luciano Huck".
Ele afirma que não irá procurar o
relógio pois recebe um salário-base de
R$ 568,29.

Segundo o delegado-corregedor Francisco Campos,
Franchini terá de se
explicar.

"Se ele sabe onde está o Rolex do Huck,
deveria apreender o material
ou comunicar seus superiores onde ele está."

O texto de Franchini é uma crítica ao artigo
"Pensamentos quase
Póstumos", de Huck
, que saíra um dia antes,
no Tendências/Debates, da
Folha.


Huck conta no artigo que poderia
ter morrido no assalto.

Franchini também critica o governador
José Serra (PSDB) por manter a
polícia paulista na "miséria há 14 anos"
e afirma que, para sustentar a
família, faz "bico" --o que é proibido.
"Ele denegriu a imagem da sua
instituição", disse Campos.

O policial prestou depoimento e admitiu
ter escrito a carta. Se
punido, pode ser advertido, suspenso ou
demitido. O policial não quis
se pronunciar.

Veja a íntegra da carta do
policial Franchini

"Os policiais que estão na linha de
frente do combate ao crime
(todos os que não são delegados ou

oficiais da PM), sabemos onde está o
'rolex roubado' do Luciano Huck --metáfora
para o graal da segurança
pública
brasileira. Mas não vou trocar tiro com
bandidos recebendo um salário
base
de R$ 568,29 ao mês (e agora sem o tícket
alimentação de R$ 80,00 que
nos
foi retirado em agosto de 2007).

"Prefiro correr risco no bico para
sustentar meus filhos. Se Huck
não está feliz conosco, pode entrar
para o movimento CANSEI e cobrar do
governador Serra o motivo do PSDB ter
tanta raiva da policia paulista e
mantê-la na miséria há 14 anos.
Eu queria fazer minha inscrição lá, mas
será que aceitam um policial sem dinheiro?

Roger Franchini"

______________
Acho bom tempo para lembrar a música do Facção Central, "Isso aqui é uma guerra":


No comments yet

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: