Skip to content

Versão revista da peça teatral "Zumbi Gracioso"

12 de novembro de 2006

TEATRO: “ZUMBI GRACIOSO”


para apresentação dia 17 de novembro de 2006 no teatro do CEU PERUS, comemorando o Dia da Consciência Negra – 20 de novembro.
Texto de BRUNO e DIANA da 8ª série A – Escola XXXX
Orientação e modificações: professor Fábio R.

1ª Cena: O senhor sentado vendo o algodão sendo colhido pelos escravos. (música “Zumbi” do Jorge bem Jor ou “Retirantes” de Dorival Caymmi)

Diálogo entre escravos:

———– Vivemos na escravidão. Somos tratados como animais.

———– Trabalhamos tanto e não ganhamos nada. Nem comida boa temos.

———– Devemos fugir para um lugar melhor.

———– E existe este lugar?

———– Existe o quilombo. Irei para lá. No quilombo todos são livres. O rei é Ganga Zumba, bom com todos. E seu general é Zumbi.

———– Já ouvi falar dele.

———– Vou para o quilombo lutar com Zumbi para libertar todos os escravos.

(um escravo foge, mas é recapturado pelo capitão do mato)

2ª Cena: Feitor prende um escravo fujão. Pede a ordem do senhor para castiga-lo com chicotadas. Tem a ordem e vai ao tronco onde prende o escravo e lhe dá 50 chicotadas.

Diálogo entre feitor e o Barão senhor dos escravos

Feitor_ O escravo está no tronco esperando a decisão do barão e se deixar o escravo que está no troco sem castigo os outros escravos vão acreditar na história que ele está contando e vai querer fugir.

Barão_Está bem. Deite 20 chibatadas.

Feitor_Me disculpe, Barão, mas 20 chibatadas não vai nem fazer riscos nas costas dele!

Barão_Está bem! deite-lhe 50 chibatadas.

Narrador_Logo depois o feitor foi dar as 50 chibatadas, enquanto isso a baronesa estava falando com o barão. Começa um toque de música.

Baronesa_Mas já vai começar com essa cantoria!a.

Barão_Se voce não gosta deste barulho tampe os ouvidos com algodão, Candida.

(toca a música Homeless, de Paul Simon, do seriado Raízes)

3ª Cena: No quilombo Zumbi planeja com os irmãos a invasão da fazenda e libertação dos escravos. Ganga Zumba não concorda e quer aceitar acordo de paz com Portugal. Por isso os dois começam a brigar. Depois disso, Ganga Zumba morre misteriosamente.

Diálogo no Quilombo.

Um irmão do quilombo entrega uma carta para o Rei Ganga Zumba:

“Senhor Ganga Zumba. O Rei de Portugal te propõe um acordo de paz com o quilombo de Palmares. Todos os nascidos no quilombo ficarão livres, os outros não.”

Ganga Zumba lê a carta.

Logo chega seu sobrinho Zumbi – Tio Ganga Zumba, vamos invadir a fazenda e libertar nossos irmãos.

Ganga – Isso não é possível. Estamos negociando a paz com Portugal.

Zumbi – Que paz que nada. Precisamos soltar nossos irmãos.

Ganga – Uma guerra só vai trazer dor.

Zumbi – Não é justo que fiquemos em paz enquanto tantos padecem escravidão.

Ganga – Também não é justo que tantos morram pelo bem de outros. Precisamos de paz.

Zumbi – A paz não traz igualdade. Esta paz é injusto, pois é para poucos. Precisamos de guerra.

Partidários de Zumbi e de Ganga Zumba se dividem, gritando de um lado “Paz” e de outro “Guerra”.

Chega Dandara, esposa de Zumbi.

Dandara – Que é isso Zumbi! Como briga com seu tio?

Zumbi – Ganga Zumba pensa com a razão, mas erra. A liberdade tem que ser para todos.

Ganga Zumba – Dandara, explique para seu marido que a guerra irá destruir Palmares. O melhor caminho é do negociação. A paz é sempre o melhor caminho.

Dandara – Zumbi, não brigue com seu tio. Vamos reunir um conselho e discutir este assunto. Vivemos para a felicidade e não para a dor. Se for possível, lutaremos também por nossos irmãos que estão escravizados, mas precisamos lutar juntos. Desunidos seremos fracos. Vamos! Façam as pazes.

Cena da Morte: Uma irmã do quilombo leva uma bebida para Ganga Zumba, que cai morto misteriosamente.

cena enterro de Ganga Zumba e coroação de Zumbi – Ganga Zumba está morto. Longa vida a Zumbi, nosso Rei

(toca música de capoeira. Afoxé de Dorival Caymmi)

4ª Cena: Os negros estão nas senzalas na roda de capoeira, que é a única diversão deles, o momento de alegria e lembranças; (tocar músicas de capoeira); Chega Zumbi e os irmãos do quilombo para libertá-los. O senhor descobre e manda o feitor ir atrás deles, mas eles conseguem fugir em segurança.

(toca música “Monólogo ao pé do ouvido” da Nação Zumbi, para ilustrar o ataque)
cena Ataque à fazenda, para libertar escravos. Feitor avisa o senhor:

Feitor – Chefe, tenho péssimas notícias. A fazenda está sendo invadida pelos negros quilombolas. (sai correndo com uma arma).

Senhor está preocupado. Baronesa chega assustada.

Baronesa – O que está acontecendo.

Senhor – Prepare-se. Fomos invadidos pelo capitão Zumbi.

5ª Cena: Eles chegam ao quilombo pela manhã. Com muita alegria são recebidos e festejam a liberdade com parentes, amigos e é claro com Zumbi.

(música final – “Cangoma me chamou (ouça)” de Clementina de Jesus, ou interpretada pelo grupo Mawaca)
cena final – Festa em Palmares.

– Cantos, dança e capoeira.

Narrador conta história de Palmares no alto-falante (deixar música afro com volume baixo no fundo, depois aumentar o volume – talvez usar “spirit of the forest” dos pigmeus Baka Beyond )

Narrador – O quilombo de Palmares resistiu durante quase dois séculos, tendo sido destruído apenas em 1710, após ataques do capitão do mato Domingos Jorge Velho. Zumbi morreu, mas seu sonho de justiça e liberdade continua vivo nos corações de todos os brasileiros.

PERSONAGENS:
Dandara: Diana
Senhor: Bruno
Baronesa: Marriete
Feitor:
Capitão do Mato: Tamara
Escravo Fujão: Davidson /// Rafael
Zumbi: Welverson
Tio (Ganga Zumba): Vicente

Irmãos do Quilombo: Leonardo, Eric, Tamara

Contra-regra:

Convidados: Guerreiros do Brasil, Universo Capoeira

—-

cena suprimida (após 2ª cena)
Narrador_No dia seguinte 3 escravos fugiram e um foi pego,o barão foi eté a senzala e perguntou para o escravo:

Barão_cadê os outros dois?

Narrador_O escravo não responde e o barão fica irritado, pega o chicote começa a bater no escravo. Acaba furando o olho do escravo.
Terceira parte

49 Comentários leave one →
  1. Vera Cardoso permalink
    12 de outubro de 2008 19:33

    è maravilhoso o trabalho que esses alunos desenvolveram.Estava procurando na internet algo sobre peça teatral e me foi de grande valia.Sou professora e estou apaixonada por este trabalho.Parabéns.

  2. Marih permalink
    4 de novembro de 2008 18:34

    Oiiiiieee Gostei muito da peça … O trabalho dos alunos e magnifico

  3. 5 de novembro de 2008 12:35

    trabalhei apeça com meus alunos na escola mul davi alves silva também foi só sucesso.

  4. Marina permalink
    11 de novembro de 2008 14:01

    Oiiii Gostaria de dizer que essa peça e maravilhosa , e estava procurando um trabalho mais ou menos assim ainda bem que vi esse site me ajudou muito obrigada

  5. Azuir Ferreira Tavares Filho permalink
    12 de dezembro de 2008 14:02

    Somos um Povo herdeiros de um passado de 350 anos de escravidáo a maior aberracáo da Humanidade, do humano subjugar seu semelhante e o explorar forcado.
    Quando vemos um texto falando em Justica, Direito e Amos nos sensibilizamos e pensamos um munte de carinho e admiracáo por seus autores mas, ficamos na nossa timidez e náo nos expressamos.
    Fomos \Educados a náo manifestar nada mas aprovamos e lemos com amor e carinho.
    Cada autor que tenha coragem de defender a Liberdade o amor e a Igualdade tem muitos admiradores calados mais cheios de orgulho desta nossa gente que é humana e Amiga e que chegando a Decisáo mostra que é valorosa e gerreira e que smepre dá conta da sua missáo.
    Parabéns por este trabalho táo admirável.
    Receba tambem o carinho de tanta gente humilde que nem pode se manifestar.
    Azuir do Overmundo

    • DEJAILSON permalink
      12 de novembro de 2010 16:15

      ACHEI OTIMO ESSE TRABALHO POIS ATRAVES DELE CONSEGUI DESENVOLVER O MEU, ESPERO QUE CONTINUE DESTA FORMA…

  6. zana permalink
    21 de julho de 2009 13:16

    Adorei muito imteresante estão de parabens
    bom trabalho feito mulll parabens p´ra vcs☻

  7. jessica permalink
    26 de agosto de 2009 17:47

    oi adorei o trabalho de vcs
    se tiverem outras peças de teeatro desse assunto adoraria recebe-las
    ppois estou pricisando com urgencia
    obrigada

  8. Lidiane permalink
    27 de outubro de 2009 20:42

    Parabéns pelo trabalho. É realmente lindo.
    Fico muito feliz em saber que temos alunos com tal capacidade.
    Gostaria de trabalhar este texto com meu grupo de alunos, gostaria de saber se posso usá-lo.

    Aguardo uma resposta por e-mail
    Grata

  9. Vitor Bruno permalink
    4 de novembro de 2009 02:38

    Parabéns por esse trabalho maravilhoso que vocês fizeram. Sou professor de teatro e estava procurando uma peça à altura da escola em que trabalho, mas não achava nada, estava desesperado!!! (Crazy) Graças a DEUS achei esse trabalho empolgante, muito obrigado!

  10. evelyn leandro permalink
    16 de novembro de 2009 20:56

    ah amei a peça vou até colar ela pra fazer uma na minha escola
    gostei da criatividade!
    parabéns

  11. eline da Silva Andrade permalink
    17 de novembro de 2009 12:59

    Quero parabenizá-los por esse trabalho perfeito que vocês desenvolveram ,poís todos nós somos descendentes de negros e muitos não sabem nem o porque da consciência negra e assuntos relacionados a isso .Estava procurando para a nossa turma do meu curso fazer e não encontrava uma com um nível como essa que bom que vocês colocaram sou branca mas adoro os negras e assuntos do género!!!

    ASS:Eline

  12. nicoli permalink
    20 de novembro de 2009 17:40

    essa peça é otima boa d++++++++++++++++

  13. nicoli permalink
    20 de novembro de 2009 17:41

    essa peça é otima boa d++++++++++++++++ok

  14. nana permalink
    22 de junho de 2010 22:17

    nossa… amei essa peça… parabens a vcs q inventaram!!!!!!!
    d++++++++…

  15. natalia rsss permalink
    18 de outubro de 2010 19:24

    gostei muito da peça e se fosse possivel enviar uma peça pra mim abordando esse assunto eu seria eternamente grata.

  16. adriele permalink
    28 de outubro de 2010 14:17

    legl

  17. leticia permalink
    1 de novembro de 2010 18:41

    adoreii a peça!
    vou atéh fazer uma igual na minha escola!

    ♪ valeu, valeu! ♫

  18. Kamila Santos permalink
    4 de novembro de 2010 05:07

    Parabéns adorei o trabalho de vocês

  19. Arthur permalink
    5 de novembro de 2010 00:17

    Na sociedade que vivemos hoje se ouve de tudo, mas o que doi mais é saber que ainda existe pessoas que se sente como um grande poder criticando, excluindo, e ainda existe o racismo. É uma pena pois quem pode fazer critica é apenas a pessoa perfeita e nós só temos Deus como um exemplo de perfeição

  20. Adriana Soares Rozatti. permalink
    10 de novembro de 2010 15:34

    Amei esse teatro.Parabéns!!

  21. RUAN permalink
    16 de novembro de 2010 20:39

    O TEATRO È MUITO RICO, GOSTEI MUITO .PARABÈNS.

  22. 22 de novembro de 2010 17:59

    muito legal esta peça!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!111

  23. 22 de novembro de 2010 18:31

    sou vida loka e quase preto
    …………….

  24. 22 de novembro de 2010 18:32

    vidda lokka

  25. 7 de dezembro de 2010 19:53

    eu vou poder representar essa pessoa no dia 10/12/2010

  26. Marcia permalink
    24 de março de 2011 16:58

    Prabéns !!!! Muito bom saber que existem jovens inovadores…

  27. Elisangela permalink
    31 de agosto de 2011 19:52

    Ola, sou Elisangela do grupo de capoeira Filhos da Corrente de Parelheiros, Nossa, Adorei a peça de vcs pena que não tem video na net.
    Estou trabalhando com as crianças o 20 de Novembro e acho que vou usar essa peça de vcs mais com alguma adaptaçoes.

    • 1 de setembro de 2011 08:08

      Que bom que gostou da peça Zumbi Gracioso. O texto está liberado para uso, é copyleft.

      Existe um video na internet, mas não esta bem gravado. Serve apenas como registro:

      Caso faça sua versão, por favor nos envie a gravação. Também adoraria ver seu grupo de capoeira em ação.

  28. gabriel permalink
    11 de setembro de 2011 00:16

    vou tentar fazer parecido e gostei da peça teatral valeu obrigado

  29. guilherme permalink
    17 de outubro de 2011 15:43

    muito maneiro , vamos fazer essa peça na escola

    • tainan nicacios dos santos permalink
      8 de novembro de 2012 15:18

      Nossa, nossa, chegou na hora certa, era isso que procurava. Parabéns! Me ajudou muitto…..

  30. 27 de outubro de 2011 10:16

    muito bom, bem feito magnifico

  31. lucas permalink
    18 de novembro de 2011 09:03

    Esse texto é muito bom
    Bom de mais
    Ele e muito bom de trabalhar

  32. camila permalink
    24 de novembro de 2011 00:45

    nossa vocês foram muito bons vocês estavam otimos na peça maravilhoso adorei amei vocês são muitos espertos muito mesmo parabéns

  33. 4 de abril de 2012 10:59

    muito bommmmmmmm

  34. 9 de outubro de 2012 12:36

    vou usar hoje pra curso de tatro

  35. 11 de novembro de 2012 23:56

    gosteii mtoo, vou fazer ela dia 20 agora.

  36. 16 de novembro de 2012 13:29

    Fiz uma releitura dessa peça nesse ano de 2012 junto com meus alunos em Manaus. Ficou bem interessante. Caso queiram assitir, o link é http://www.youtube.com/watch?v=-IugVXDWKcY

  37. 21 de novembro de 2012 13:34

    Parabéns, sou aluna do 6º ano e vamos apresentar a peça, tenho certeza que vai ser um sucesso…

  38. Daiele Martins permalink
    13 de agosto de 2013 13:00

    Muito bacana a iniciativa!
    Daiele

  39. r.10.01.1982 permalink
    18 de outubro de 2013 11:37

    em minha escola fizemos essa peça fiz o papel de dandara foi muito legal, amei fazer o papel dela, essa pessa foi muito oooooooooooooooooooottimaaaaaaaaaaaaaaaa

  40. Luciane permalink
    3 de maio de 2014 22:30

    MUITO, MUITO, MUITO OBRIGADA! ESTOU COORDENADORA DE UM NÚCLEO DO CAMPO, E ESPERO QUE MINHAS PROS GOSTEM TANTO DESTA PEÇA QUANTO EU GOSTEI!

Trackbacks

  1. Este blog em 2010: analise feita pelo worldpress « ekalaFabio tentando desfragmentar
  2. Teatro Zumbi Gracioso (1ª encenação) « ekalaFabio tentando desfragmentar
  3. No Teatro do CEU – Consciência Negra « ekalaFabio tentando desfragmentar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: